Utilizamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios. Si continúa navegando, consideramos que acepta su uso. Puede obtener más información en nuestra política de cookies.

restauración

ficha técnica

CIDADE À CHUVA
CIDADE À CHUVA
(edición digital)
2015
78
978-989-51-3350-5
Unspecified
Portuguese
3,00
(IVA inc)*
  • comprar ahora

    tu libro al instante

  • Ver dispositivos compatibles
  • ¿Es la primera vez que compras un eBook? Clica aquí

Permisos sobre el eBook

Copiar/pegar: Prohibido.
Imprimible: Prohibido.

DRM o protección anticopia (para saber qué es clique aquí)

No

sinopsis

- Será que a noite é um grande mar de água doce em que nos devemos afundar? Ele respondeu que a noite nunca estava só. A noite estava sempre casada, às vezes com um Janeiro, outras com um Dezembro. A outra calou-se por momentos e roubou-lhe a bebida. Quando falou de novo, disse que a noite era indistinta e nunca poderíamos saber se estava casada ou não. Ele disse que as noites não são iguais porque os meses também não. Quando finalmente a outra se moveu do sítio para um abraço finito, Miguel não sabia outro gosto senão o da derrota. Pensou o tempo todo, e porquê, e porquê, e porquê. Sem se justificar, fê-lo. A noite incerta de escuridão guardou-lhe o segredo. Depois, caminharam os dois nas ruas de miséria.


*Todos nuestros productos incluyen el IVA, ampliar información


comentarios de los usuarios/usuarias