"Esta web utiliza cookies para facilitar la navegación por ella y para realizar análisis de su uso, incluida la elaboración de perfiles de navegación con fines publicitarios. Si continua navegando, consideramos que acepta su instalación. Para obtener información detallada sobre las cookies que utilizamos, incluyendo cómo configurar su navegador para rechazarlas, pulse aquí."

restauración

ficha técnica

SOCIOLOGIA
PORTUGAL E A EUROPA: NOVAS CIDADANIAS
PORTUGAL E A EUROPA: NOVAS CIDADANIAS
(edición digital)
2016
224
978-989-8819-52-9
OUTRAS PUBLICAçõES
Epublication content package
Portuguese
6,99
(IVA inc)*
  • Ver dispositivos compatibles
  • ¿Es la primera vez que compras un eBook? Clica aquí

Permisos sobre el eBook

Imprimible: Prohibido.
Copiar/pegar: Prohibido.
Compartir: 6 dispositivos permitidos.

DRM o protección anticopia (para saber qué es clique aquí)

Si

sinopsis

Passados quase quarenta anos do 25 de Abril, o que significa ser cidadão em Portugal hoje? E de que forma é que a pertença à União Europeia modificou os direitos de cidadania e o seu uso? Ao longo do livro, juristas, politólogos e sociólogos fazem um retrato da evolução de Portugal nas últimas três décadas do ponto de vista dos vários direitos de cidadania. É um olhar que põe a vontade política em contraste com a realidade social e cultural de um país em mudança, com ambição, contradições, algumas falhas e outros tantos êxitos. No seu conjunto, os textos aqui reunidos mostram a forma como a adesão à União Europeia serviu para materializar uma cidadania democrática, mais igualitária e mais inclusiva, que em muitos casos já havia sido legislada mas faltava pôr em prática. Se é verdade que em Portugal a democratização trouxe consigo um conjunto de direitos de cidadania, também é certo que o legislador foi maximalista num contexto pouco propício do ponto de vista da realidade social. Com a entrada na UE e a consequente europeização e modernização do país é que alguns desses direitos começaram a existir de facto, e não apenas nas leis. A europeização, na medida em que reforçou o Estado português e o consolidou através da capacitação do governo para o melhoramento da eficácia das políticas públicas, serviu para o reforço da cidadania.

Biografía del autor

Marina Costa Lobo [Coord.] é investigadora auxiliar com habilitação em Ciência Política do Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa e professora auxiliar convidada do ISCTE-IUL. Doutorou-se em Ciência Política pela Universidade de Oxford (2001). Co-dirigiu o Projecto Comportamento Eleitoral e Atitudes Políticas dos Portugueses (2002-2011) e dirige um Projecto sobre a Personalização da Política na Europa financiado pela FCT. Tem vários livros e artigos publicados sobre as atitudes dos portugueses em relação à Europa, sobre o comportamento de voto e o funcionamento das instituições políticas em Portugal numa perspectiva comparada.


*Todos nuestros productos incluyen el IVA, ampliar información


otros libros del autor

ESCENAS DE CULTO DISNEY
editorial: HACHETTE (U.K.)
lugar de edición: LONDON
año de edición: 2018
formato: RÚSTICA
páginas: 112
en la web: SIN EXISTENCIAS consultar plazo de entrega
+ info
PASATIEMPOS Y JUEGOS EN MUSEOS
editorial: USBORNE PUBLISHING LTD
lugar de edición: LONDON
año de edición: 2017
formato: OTROS
páginas: 78
en la web: disponibilidad inmediata
+ info

comentarios de los usuarios/usuarias