Utilizamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios. Si continúa navegando, consideramos que acepta su uso. Puede obtener más información en nuestra política de cookies.

restauración

ficha técnica

TUDO É (MEDO DO) AMOR
TUDO É (MEDO DO) AMOR
(edición digital)
2015
52
978-989-51-4389-4
Unspecified
Portuguese
3,00
(IVA inc)*
  • comprar ahora

    tu libro al instante

  • Ver dispositivos compatibles
  • ¿Es la primera vez que compras un eBook? Clica aquí

Permisos sobre el eBook

Copiar/pegar: Prohibido.
Imprimible: Prohibido.

DRM o protección anticopia (para saber qué es clique aquí)

No

sinopsis

Encara-se a poesia com medo, porque não se sabe o que vai descobrir. Encara-se o amor com medo, porque não se sabe o que quer descobrir. Mas tudo acontece através da curiosidade que tanto nos tenta. A tal curiosidade que nos faz sempre querer saber um pouco mais, sempre buscar o incomum. O comum existe. O incomum é o que temos que viver. A poesia é o incomum da linguagem. Os olhos lindos são o comum; Incomum é o olhar. Amor é um tesouro que se perde a cada dia. E amar é procurá-lo como se nunca o tivesse encontrado. Por que amor e poesia? Porque contra amores não há argumentos claros. Se o ouro é o que move os homens comuns, o amor nos move porque é fora do normal. Tem medo do amor? Encare-o com medo mesmo. É normal ter medo do amor e da poesia. Não ter medo é que não é normal. É o medo que dá asas para conhecermos o topo do mundo.


*Todos nuestros productos incluyen el IVA, ampliar información


comentarios de los usuarios/usuarias