"Esta web utiliza cookies para facilitar la navegación por ella y para realizar análisis de su uso, incluida la elaboración de perfiles de navegación con fines publicitarios. Si continua navegando, consideramos que acepta su instalación. Para obtener información detallada sobre las cookies que utilizamos, incluyendo cómo configurar su navegador para rechazarlas, pulse aquí."

restauración

ficha técnica

NARRATIVA ANGLOSAJONA
A CASA DA BELEZA
A CASA DA BELEZA
(edición digital)
2018
978-989-665-632-4
SIN CODIFICAR
Epublication content package
Portuguese
9,99
(IVA inc)*
  • Ver dispositivos compatibles
  • ¿Es la primera vez que compras un eBook? Clica aquí

Permisos sobre el eBook

Imprimible: Prohibido.
Copiar/pegar: Prohibido.
Compartir: 6 dispositivos permitidos.

DRM o protección anticopia (para saber qué es clique aquí)

Si

sinopsis

Massagem, manicura, morte

A Casa da Beleza oferece uma radiografia descarada de um país em que os ideais sucumbem facilmente perante a corrupção, a injustiça e a cultura do dinheiro fácil. No melhor estilo da novela negra, esta é uma história que mostra o pior da América Latina de hoje. O tema de fundo são as relações de poder, desenhadas a partir das vozes de três mulheres que vão tecendo uma trama de histórias, com um afamado salão de beleza de Bogotá como pano de fundo, para desmascarar uma sociedade construída em mentiras.

Karen, esteticista de profissão, muda-se de Cartagena para Bogotá em busca de uma vida melhor, mas ao chegar não só consegue trabalho como depiladora n'A Casa da Beleza, como se converte na chave para resolver o mistério da morte de uma das suas clientes - uma jovem rapariga, vestida com o uniforme da escola, que aparece morta nodia a seguir a ter visitado Karen no salão.

Com quem se ia encontrar a cliente de Karen?

Entre conversas íntimas e confissões, Karen acabará por ser a confidente de uma psicanalista, da mulher dum congressista, de uma famosa apresentadora de televisão e de uma mãe desolada que busca justiça num país onde a verdade só pertence àqueles que podem pagar por ela.

Sobre A casa da beleza:

"Uma história terna e reveladora, escrita com um toque delicado."
The Times

"Tão arrepiante como uma depilação com cera quente."
Glamour

"A escrita é inteligente, a história admirável e a autora verdadeiramente dotada para o retrato de personagens e incisiva na sua exposição da misoginia."
Lovereading UK

"Melba Escobar oferece uma visão da sociedade colombiana, no microcosmo da Casa da Beleza, a partir de uma lente feminina, onde as relações raciais, a corrupção e o problema do género têm telhados de vidro já aceites pela sociedade. O tom confessional e sensual transmite um mundo de relações violentas, seja através de acções ou palavras, um mundo de mal-entendidos e contradições. "
Bookwitty

"A Casa da Beleza é um e muitos livros ao mesmo tempo: uma novela social, uma história urbana, um thriller com corrupção na política em segundo plano. O romance de Melba Escobar, no entanto, é antes de mais sobre a violência com origem nas mentiras neste país, em todas as diferentes camadas da sociedade."
Arcadia

"Num estilo mordaz e acutilante, Melba Escobar coloca o dedo na ferida na sua crítica à cultura machista e classista com uma história em que diversas mulheres, de condições diferentes, procuram justiça num país afundado em corrupção e desespero."
Jorge Franco

Biografía del autor

Melba Escobar (Cali, 1976) estudou Literatura e finalizou os estudos com uma tese sobre o jornalismo literário. Publicou vários títulos infantis antes de escrever o seu primeiro romance, A casa da beleza.

Na actualidade vive em Bogotá e é colaboradora habitual dos jornais El Espectador e El País.

O seu romance A casa da beleza, eleito um dos melhores livros pelo Prémio de Novela da Colômbia, foi um sucesso de vendas de direitos na Feira do Livro de Londres e será publicado em mais de 16 países.


*Todos nuestros productos incluyen el IVA, ampliar información


otros libros del autor

LA CASA DE LA BELLEZA
año de edición: 2015
formato: Epublication content package
+ info

comentarios de los usuarios/usuarias